Hernán Crespo deixa o comando do São Paulo
13/10/2021 Futebol
Treinador não resistiu aos resultados e ao desempenho ruim nos últimos meses e deixou o clube

Hernán Crespo não é mais o técnico do São Paulo. Nesta quarta-feira, a diretoria do clube e o treinador encerraram a parceria firmada em fevereiro deste ano. Os resultados ruins recentes e a queda de desempenho no Brasileirão foram determinantes para a saída do argentino.

CLIQUE AQUI E SIGA O CANAL DO GUIA NO YOUTUBE

ENTRE NO GRUPO DE WHATSAPP DO GUIA SÃO MIGUEL

CLIQUE AQUI E FAÇA PARTE DA NOSSA LISTA NO TELEGRAM

A comissão técnica argentina, composta por Juan Branda (auxiliar técnico), Alejandro Kohan e Gustavo Sato (preparadores físicos), Gustavo Nepote (preparador de goleiros) e Tobías Kohan (analista de desempenho) também deixam o clube.

O anúncio foi feito pelo São Paulo em seu site oficial na tarde desta quarta-feira. O comunicado ainda diz que o "clube abrirá um processo de busca no mercado pelo novo treinador".

Aos 46 anos, Crespo deixa o São Paulo com um título no currículo. No primeiro semestre, o argentino levou o Tricolor ao topo do Paulistão, encerrando um jejum do clube de quase nove anos sem troféus no futebol profissional.

Porém, após o título estadual, Crespo conviveu com problemas físicos dentro do elenco e viu o São Paulo cair vertiginosamente de desempenho, principalmente no Brasileirão.

Na Libertadores e na Copa do Brasil, o argentino conviveu com eliminações pesadas e que também marcaram o trabalho. No torneio sul-americano, uma derrota por 3 a 0 para o rival Palmeiras marcou o fim da participação tricolor, ainda na fase quartas de final.

 

Veja a nota oficial do São Paulo

O São Paulo Futebol Clube informa que Hernán Crespo deixa o comando técnico da equipe nesta quarta-feira (13). A decisão foi tomada em comum acordo após conversa entre o treinador e a diretoria do Tricolor. Também deixam o Clube Juan Branda (auxiliar técnico), Alejandro Kohan e Gustavo Sato (preparadores físicos), Gustavo Nepote (preparador de goleiros) e Tobías Kohan (analista de desempenho), que chegaram ao Tricolor junto com o treinador.

Fonte: GE

 
MAIS NOTÍCIAS
PARCEIROS