Medianeira: Policiais militares resgatam mulher grávida de casa em chamas
09/09/2019 Medianeira
Os policiais arriscaram a própria vida para resgatar a gestante durante o atendimento de uma ocorrência de violência doméstica

Na noite do último sábado, em um ato heroico, policiais militares arriscaram suas próprias vidas para resgatar uma mulher que estava trancada em um quarto que estava em chamas, em uma residência no Bairro Jardim Irene, em Medianeira.

Quando a equipe policial chegou à residência, localizada na Rua João Paulo II, logo avistaram fumaça saindo do imóvel e rapidamente adentraram na residência para averiguar o que acontecia.

Já dentro do imóvel eles perceberam que uma fumaça densa saia de um dos quartos e então arrombaram a porta do cômodo, se deparando com uma gestante e dois focos de incêndio.

Mesmo resistindo e gritando que queria tirar a própria vida, a mulher foi retirada do quarto pelos policiais, que também conseguiram apagar o fogo jogando água nos focos do incêndio.

Devido ao fato da mulher grávida e dos policiais terem inalado bastante fumaça tóxica, a ambulância do Corpo de Bombeiros foi acionada. Após o primeiro atendimento ainda no local, a gestante foi encaminhada ao Hospital e Maternidade Nossa Senhora da Luz e os policiais R. Martins e G. Marques receberam atendimento na UPA.

Esta não é a primeira vez que o Soldado R. Martins, um dos militares que atenderam esta ocorrência, esteve envolvido em situações de bravura no atendimento de ocorrências policiais. Há pouco mais de um ano, no dia 30 de julho de 2018, o Soldado Martins e o Soldado Forgiarini foram os primeiros a chegar na residência de um homem que sofria uma parada cardíaca no Bairro Ipê, e o rápido atendimento e os procedimentos de massagem cardíaca aplicados pelos militares até que o resgate especializado chegasse, salvaram a vida do homem.

Fonte: Guia Medianeira

 
MAIS NOTÍCIAS
PARCEIROS