Após aposentadoria na F1, Massa correrá na estreia da Stock Car em 2018
07/12/2017 Automobilismo
elipe Massa participará da Corrida de Duplas da Stock Car ao lado do pentacampeão da modalidade, Cacá Bueno

Ainda sem definir qual será o seu futuro no automobilismo após a aposentadoria na Fórmula 1, Felipe Massa participará da Corrida de Duplas da Stock Car ao lado do pentacampeão da modalidade, Cacá Bueno. A dupla irá representar a Cimed Racing na tradicional etapa de abertura da modalidade em março de 2018.

Para sua primeira corrida oficial de 2018, o piloto destacou a importância da categoria para o cenário brasileiro. O evento marca o retorno de Massa para uma competição brasileira, o que não ocorre desde 1999, quando foi campeão da Fórmula Chevrolet, e a primeira de carros de turismo desde 2002 (quando estreou na Fórmula 1).

“Fico honrado pelo convite e terei muito orgulho de fazer minha estreia na Stock Car em dupla com o maior campeão em atividade e meu grande amigo, Cacá Bueno. Além disso, a Cimed Racing, como atual bicampeã, é a equipe ideal para encarar um desafio como este, em uma categoria extremamente competitiva. Será especial reencontrar os torcedores brasileiros após minha emocionante despedida no GP Brasil, desta vez em minha primeira corrida após a F-1. Vamos trabalhar bastante para coroar esta participação com um bom resultado iniciando esta nova fase de minha carreira”, diz Massa.

O companheiro de Massa na corrida, Cacá Bueno, se mostrou muito feliz com a possibilidade de dividir o carro com o último representante brasileiro da Fórmula 1, porém ressaltou a cobrança maior que isso traz.

“A Corrida de Duplas é um dos grandes momentos da Stock Car e dividir o carro com o Felipe (Massa), depois de todas as alegrias que ele nos proporcionou na F-1, será muito gratificante. É um nome que traz ainda mais visibilidade internacional para nossa categoria e com certeza vai trazer uma responsabilidade ainda maior para iniciarmos 2018 com muitas conquistas”, diz Cacá, dono de cinco títulos na Stock Car (recorde entre os pilotos em atividade).

Fonte: Gazeta Esportiva

 
MAIS NOTÍCIAS
APOIO